3 de setembro de 2017

Setembro é mês de...

Yum

Bem-vindo setembro!
O mês que marca o regresso da minha estação preferida. As estradas enchem-se de mantos de folhas castanhas e amarelas, secas. Os dias começam a ficar mais pequenos e em breve chegarão as primeiras chuvas de outono.  Os dias quentes dão lugar a dias mais frescos e em que os casaquinhos são bem-vindos. Começam as vindimas, as colheitas da maçã e da pêra, os campos pintam-se de tons pastel e tem inicio a migração para muitas espécies.
Desculpem-me os grandes amantes do verão, mas vêm aí uma estação que me apaixona claramente. Chateia-me perder a luz natural que os dias de verão nos oferece e a tranquilidade que naturalmente se instala nessa estação, mas eu prefiro claramente o aconchego e o conforto de dias mais pequenos e frescos.
É agora tempo do regresso ao trabalho, às aulas e às rotinas do dia-a-dia. E isso não tem de ser mau. Pelo contrário. Os dias ganham uma nova efervescência e dinâmica que pode ser desfrutada com igual alegria e prazer.
Na cozinha inicia-se também um novo ciclo. As refeições mais leves e frescas começam a ser substituídas pelas receitas mais elaboradas, os assados e a comidinha de tacho. My kind of Confort Food.  Fazem-se compotas, geleias, chutneys, pickles e afins, para aproveitar a abundância de fruta e legumes que o verão ofereceu.
Mas o outono não é apenas a estação marcada pela queda de folhas e flores, trata-se de uma estação, também, de muita riqueza e variedade de frutas e vegetais. Chegam as peras, as maçãs, as romãs, as uvas, as abóboras, a batata nova, a amêndoa, a noz e tantos outros.
A escolha para Ingrediente do Mês não foi fácil, mas acabei por escolher uma fruta. A escolha recaiu sobre as Maçãs!



E assim, deixo de novo o convite: juntem-se a mim, e até ao último dia do mês de setembro, inclusive, tragam uma receita, talvez aquela que tantas vezes tem ficado em lista de espera, ou aquela que repetem vezes sem conta nas vossas cozinhas sem que lhe tivessem dado o devido destaque, ou a outra que é de família, a que tem um segredo, aquela que desperta memórias… A única regra é que tenha Maçã e a destaque e valorize enquanto ingrediente!
Deixem o link da vossa receita nos comentários desta publicação, para que a vossa receita apareça no Round Up final. Se não tiverem blogue podem enviar-me um mail com a receita e uma foto e eu farei a sua publicação, com os devidos créditos.
Poderão também identificar a vossa receita com a hashtag #martaingredientofthemonth!

Espero que gostem da escolha e se sintam muito inspirados a criar receitas com o ingrediente escolhido! Agora, mãos às colheres de pau e boas receitas!



Maçã
A maçã é o pseudofruto pomáceo da macieira (Malus domestica), árvore da família Rosaceae. É um dos pseudofrutos de árvore mais cultivados, e o mais conhecido dos muitos membros do género Malus que são usados ​​pelos seres humanos.
As maçãs crescem em pequenas árvores, de folha caduca que florescem na Primavera e produzem fruto no Outono. A árvore é originária da Ásia Ocidental, onde o seu ancestral selvagem, Malus sieversii, ainda é encontrado atualmente.
É um fruto crocante, de interior esbranquiçado e casca com tonalidades de vermelho, amarelo ou verde, dependendo da variedade.
De igual forma, o sabor pode também variar de um adocicado refrescante até uma agradável acidez.
As maçãs são cultivadas há milhares de anos na Ásia e Europa e foram levadas para a América do Norte pelos colonizadores europeus.
Há mais de 7 500 espécies e variedades de maçãs. As diferentes espécies encontram-se em climas temperados e subtropicais, já que macieiras não florescem em áreas tropicais, pois necessitam de um número considerável de horas de frio, que é variável em função da variedade cultivada. As variedades da família da Gala, por exemplo, necessitam de um inverno com cerca de 700 horas de frio (temperatura abaixo de 7,2 °C) para terem o rendimento ideal na colheita.
Entre as variedades mais consumidas em Portugal, destacam-se a Gala, John Golden Red, Spur, Verde Doncella, Reineta, Golden Delicious, Starkrimson, Starking e Fuji.
Em Portugal apenas a Maçã Bravo de Esmolfe tem, desde 1994, Denominação de Origem Protegida (DOP) definida na legislação da União Europeia (UE). Já no que diz respeito à Indicação Geográfica Protegida (IGP) são quatro as variedades reconhecidas: Maçã de Alcobaça, Maçã da Beira Alta, Maçã da Cova da Beira e Maçã de Portalegre.


Benefícios da maçã para saúde
O ditado: Uma maçã por dia mantém o médico longe (An apple a day, keeps the doctor away), mostra os efeitos da maçã na saúde, a citação foi criada no século XIX no País de Gales.
As maças contêm fibras solúveis assim como não solúveis. Em média 150g de maçã descascada fornecem 3g de fibra, mais de 10% da dose diária recomendada.
As fibras presentes na maçã são um forte aliado contra os altos níveis de colesterol, reduzindo assim os riscos de endurecimento das artérias, ataques cardíacos e enfartes.
Estudos realizados sustentam a hipótese de reduzir 16% o nível de colesterol com apenas 2 maçãs na alimentação diária.
As fibras da maçã são também um bom contributo para a regularidade intestinal, uma vez que ajudam a nivelar a quantidade de água presente nas fezes, ajudando a atenuar problemas quer de prisão de ventre quer de diarreia.
Para além da regularidade, as fibras dão também uma sensação de saciedade, portanto um bom auxilio no controlo de peso e obesidade.
Outro benefício das fibras consiste na sua capacidade de captação de potenciais substâncias tóxicas (como metais pesados) que depois ajudam a eliminar do corpo através das fezes.
As maçãs são uma fonte muito rica e importante de fitonutrientes, incluindo flavonóides e fenóis.
Há muito que se sabe que a maçã é uma excelente fonte de flavonóides que agem como antioxidantes varrendo os radicais livres que podem danificar o ADN. Foi recentemente descoberto que os flavonóides presentes na maçã ajudam a proteger contra doenças coronárias e contra o cancro de uma forma que não apenas antioxidante.
Estudos sugerem que um tipo de flavonóides presente apenas nas maçãs contribui para a atenuação da degradação óssea que ocorre durante o período da menopausa.
A casca da maçã contém altas concentrações de antioxidantes especiais chamados fenóis.
Além dos fenóis serem úteis na prevenção de várias doenças crónicas parece que o fenol presente na casca de certo tipo de maças pode ajudar a pele na proteção contra os raios ultravioleta.
A frutose, um açúcar simples que confere à maçã a sua doçura, é assimilada pelo corpo a uma taxa relativamente lenta, o que ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue em valores estáveis.


Como comprar e armazenar
Escolha as maçãs de coloração mais viva, um bom indicador da sua qualidade.
Entre as várias qualidades, considere as suas preferências: a variedade Golden Delicious é das mais adocicadas enquanto que a Granny Smith é das mais ácidas.
As maçãs em si têm mais vantagens nutricionais que o sumo de maçã. Ainda assim se optar por sumos, escolha os “néctares”, pois estes conservam mais propriedades benéficas.
Assim como quase todos os frutos, as maçãs atingem o seu pico nutricional quando estão bem maduras. Prefira então o fruto com casca e bem maduro.


Aspetos Culturais
As maçãs têm estado presentes na mitologia e religiões de muitas culturas, incluindo as tradições nórdica, grega e cristã.
Na mitologia grega, por exemplo, as maçãs aparecem em muitas tradições religiosas, muitas vezes como um místico ou um fruto proibido. Um dos problemas para identificar as maçãs na religião, mitologia e lendas populares é que a palavra "maçã" era usado como um termo genérico para todos os frutos (estrangeiros). Por exemplo, na mitologia grega, o herói grego Héracles, como parte de seus doze trabalhos, foi obrigado a viajar para o Jardim das Hespérides e pegar as maçãs de ouro da Árvore da Vida.
A maçã era considerada, na Grécia antiga, o símbolo do amor.
Na história judaico-cristã, e embora não haja uma especificação sobre o fruto proibido no livro de Génesis, a tradição popular cristã considerou que foi uma maçã que Eva persuadiu Adão a compartilhar com ela. Em latim, a palavra "maçã" e "mal" são semelhantes (malum, "uma maçã", malum, "um mal, uma desgraça"). Isso também pode ter influenciado a maçã ter-se tornando o "fruto proibido". A laringe na garganta humana tem sido chamada de "maçã de Adão". A maçã também é um símbolo de sedução sexual.




Fontes:

-------------------------------------------------------------

10 comentários:

  1. Olá,
    Adoro esse ingrediente, tanto fica bem numa receita doce ou salgada. Já tenho algumas no meu blogue mas vou ver uma nova para fazer e partilhar algumas das minhas antigas para relembrar.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2017/09/dia-um-na-cozinha-e-uns-hamburgueres.html

    ResponderEliminar
  2. Querida Marta,
    não poderia ficar mais contente com o ingrediente deste mês: a Maçã!
    Sabias que vivo na zona de excelência a nível nacional da Maçã?
    Pois é, a minha vila Moimenta da Beira tem a Maçã como um grande produto que impulsiona a economia do nosso concelho. Por todo o lado existem pomares a perder de vista. Este mês, vamos ter a feira anual a ExpoDemo e até vai ter direito a transmissão na TVi,como todos os anos acontece. Deixo-te já o convite para que se quiseres vir conhecer a minha vila e a mim o possas fazer neste fim de semana de 22-24 de Setembro. Terei todo o gosto em te receber. Se não puderes, vês pela tv. ;)
    Entretanto deixo-te as minhas sugestões já hoje, pois amanhã irei de férias (outra vez!), contudo deixo a promessa de no regresso ainda tentar fazer uma receitinha nova com este ingrediente.
    Aqui ficam as sugestões:
    Boiões de Maçã: http://cristinatbernardo.blogspot.pt/2015/04/boioes-de-fruta.html
    Néctar de Maçã: http://cristinatbernardo.blogspot.pt/2015/09/nectar-de-maca.html
    Iogurte de Maçã: http://cristinatbernardo.blogspot.pt/2015/10/iogurte-de-maca-coco.html
    Tarte de Maçã: http://cristinatbernardo.blogspot.pt/2016/11/tarte-de-maca.html
    Tarte de Maçã: http://cristinatbernardo.blogspot.pt/2016/11/tarte-de-maca_30.html
    Pastel Maçãnata: http://cristinatbernardo.blogspot.pt/2016/03/pastel-macanata.html
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. sou profundamente apaixonada pelo Outono, se calhar por ter nascido em Outubro, não sei. Gosto de todas as estações, pois há sempre qq coisa de muito especial em cada uma, mas o Outono é o meu especial, lol. E maçãs nunca faltam nesta casa, mesmo fora de época, adoro maçãs, é capaz de ser a minha go to fruit, o meu snack habitual. E cozinhar com elas é mesmo a minha onda, mesmo. Vou deixar aqui os links mas acho melhor n trazer TODAS as receitas que tenho no blog com maçãs se não é a loucura.

    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/2016/10/the-quintessence-of-autumn-apple-pie.html

    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/2015/10/an-apple-cake-to-mark-date-october.html

    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/2015/10/to-every-season-there-is-time-and-in.html

    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/2015/04/mistery-novels-fantasy-books-apple.html

    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/2015/11/the-comfort-of-grey-skies-and-well-know.html

    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/2016/04/night-owls-early-risers-insomnia-and.html

    e tenho uma receita com maçãs fotografada e á espera de que a edite e publique, por isso, lol, veio mesmo a calhar, me aguardeeeee. Belo regresso!

    ResponderEliminar
  4. Um belo ingrediente para este meu mês, que é o meu mês! :) Também gosto do Outono, gosto do tempo mais fresco e das cores do Outono que são tão belas.
    Tenho imensas receitas com maçã mas não resisto a deixar aqui 4 sugestões de doces. Se entretanto tiver tempo tentarei fazer mais uma receita ainda este mês.
    Beijinhos
    http://odaines.blogspot.pt/2017/06/bolo-de-maca-com-crosta-de-amendoa.html
    http://odaines.blogspot.pt/2016/09/bolo-tatin-de-maca.html
    http://odaines.blogspot.pt/2015/04/tarte-de-maca-escondida.html
    http://odaines.blogspot.pt/2016/03/comidas-da-mama-clafoutis-de-maca.html
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  5. Bom dia Martinha! Que bela escolha de ingrediente para este mês. As maçãs nunca faltam cá por casa, são tão versáteis! Confesso que "à dentada" (como dizem os meus filhotes) é das nossas formas preferidas para as consumirmos, com casca e tudo! Mas de tão versáteis que são, tanto as usamos em doces como em pratos salgados!
    Deixo então 3 sugestões, umas delas um bocadinho alternativa (as papas de millet). Espero que gostes!
    1- Papas de millet com maçã e canela - http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/2016/09/papas-de-millet-com-maca-e-canela.html
    2-Bolo de maçã e canela - http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/2016/07/bolo-de-maca-e-canela.html
    3 - Queques de maçã - http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/2016/07/queques-de-maca.html
    Beijinho
    Joana
    http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  6. Olá! Eu também prefiro os dias mais frescos, eu detesto calor! Gosto imenso deste mês, inclusivamente já o disse no meu blog. Gosto de rotinas. Mais uma vez, parece que acertas, gosto imenso deste ingrediente. Pela sua versatilidade. Claro que irei participar, tenho apenas um bolo de maça no blog. Mas quero fazer mais "coisas" com este ingrediente. beijinhos e um óptimo fim de semana

    https://saboresdoninho.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Olá Marta.
    Que excelente sugestão! Nunca participei nos teus meses temáticos, mas vou já por-me a pensar numa receita para participar.
    Beijinhos e bom resto de fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  8. Olá doce Martinha,
    Como tu, esta também é uma das minhas estações preferidas do ano (esta e a Primavera)! Adoro as cores, os dias mais frescos, as frutas, o cheirinho a terra molhada, e claro está, dos sabores e pratos reconfortantes que esta estação nos oferece.
    O ingrediente deste mês não poderia ser melhor, pois acho que é dos frutos mais versáteis que podemos ter na nossa cozinha! Adoro maçãs de todas as formas, cruas, cozidas, nos doces e nos salgados também.
    Como podes constatar, no blog, há muitas receitas feitas com esta fruta maravilhosa, das quais vou escolher duas para levar para a mesa deste mês.
    Esta: http://sugar-bites.blogspot.pt/2016/03/ja-perceberam-como-muitas-sao-as-formas.html
    e esta:http://sugar-bites.blogspot.pt/2016/05/bolachinhas-de-maca-e-banana.html

    Mas, como já vem sendo habitual, voltarei brevemente com uma ou duas receitas novas para a tua fantástica rubrica.

    Beijinhos e boa semana,
    Paula G.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Martinha, aqui fica a primeira receita, espero que gostes!
      http://sugar-bites.blogspot.pt/2017/09/chips-de-maca.html

      Beijinhos,
      Paula G.

      Eliminar
  9. Olá Marta
    O Outono supostamente com as temperaturas amenas e cores acobreadas é uma estação de excelência.A maçã é uma fruta muito consumida cá em casa e desta vez trago uma sobremesa que ainda com calor pode-se comer com uma bola de gelado, mas quando começar a fazer frio, morninha com natas batidas com um pouco de canela de certeza que vai saber muito bem.
    Aqui fica o link https://acozinhadaanikasblog.wordpress.com/2017/09/06/sobremesa-de-maca-e-caramelo
    É sempre um prazer deixar aqui uma receitinha para a tua linda mesa!
    Beijinhos
    Ana http://acozinhadaanikasblog.worpress.com

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...