31 de janeiro de 2011

Arroz malandrinho de choco

Yum
Choco grelhado....adoro!... e era o destino inicial de meio choco. Mas entretanto vi-me com mais um lugar na mesa assim à última da hora... tinha o choco, que necessitava ser feito, mas que grelhado não chegaria para 5 pessoas.... então pensei em fazer um arroz, tal como se fosse polvo...afinal são da mesma família certo?
Tenho que vos dizer que não ficou nada mal!



Ingredientes:
1 c. sopa margarina
2 c. sopa de azeite
1 cubo Caldo Knorr galinha
1 cebola grande
2 dentes de alho
2 tomates pelados
1/2 pimento vermelho
1 c. sopa de calda de tomate
1/2 choco grande
+/- 450g de arroz (usei agulha) - 1 1/2 chávena almoçadeira
dobro do volume do arroz de água quente
coentros q.b.

Preparação:
Num tacho coloque a margarina, o azeite e o cubo de caldo, deixe aquecer e junte a cebola e os alhos picados. Deixe refogar um pouco e de seguida junte os tomates cortados aos cubos e a calda de tomate, e um pouco de água. Deixe reduzir um pouco o caldo. Entretanto corte o choco e o pimento aos cubos e adicione ao refogado. Tempere de sal, e deixe cozinhar um pouco. Acrescente a água quente e deixe levantar fervura. Depois junte o arroz e deixe cozer em lume brando. Quando estiver quase cozido apague o lume e deixe o arroz repousar 1 minuto, tapado. Salpique de coentros e sirva.

Bom apetite!

30 de janeiro de 2011

Limão versus Canela

Yum
Desde que sou Intrusa na Cozinha que ando para fazer um curd de limão que vi no blog da Colher de Pau.
O aspecto é magnífico, e como gosto bastante de limão, achei que iria adorar. Pois bem, este fim de semana fiz. As minhas expectativas não foram defraudadas. De todo! É simplesmente maravilhoso!
O frasquinho que fiz depressa desapareceu, simplesmente barrado em tostas a acompanhar um chá, ou como recheio de enroladinhos.
Os enroladinhos, já os tinha feito, mas com canela, e desta vez decidi então usar o  maravilhoso curd de limão. Fiz meio por meio: metade da massa com canela, e a outra metade com limão.
Agora tenho dois amores, e não sei qual deles gosto mais!....  :)


Ingredientes para o Curd (1 frasco de 200ml):
2 limões
2 ovos
40g manteiga
150g de açúcar

Preparação curd:
Lave bem os limões. Num tachinho coloque o açúcar, a manteiga, o sumo e a raspa dos limões, e leve ao lume até dissolver tudo muito bem.
Entretanto bata os ovos, muito bem batidos com uma vara de arames.
Retire a mistura de limão, açúcar e manteiga do lume e adicione os ovos batidos sem parar de mexer. Leve novamente ao lume (brando), sem deixar de mexer e até a mistura ferver e engrossar.
Retire do lume e distribua pelos frasquinhos. Volte-os de cabeça para baixa durante 30 minutos para criarem vácuo e guarde no frigorífico ou num local fresco até usar.


Ingredientes para a massa dos enroladinhos:
125 ml de leite morno
1 saqueta de fermento granulado (usei Vahiné)
2 colheres de sopa de açúcar
1 ovo batido
2 chávenas de farinha sem fermento
60g de manteiga
Leite ou gema para pincelar
Preparação:
No robot de cozinha com a pá de plástico, ou na batedeira com a opção de gancho, misture a farinha com o fermento. Adicione depois a manteiga, o leite morno, o açúcar e o ovo. Bata tudo na máquina durante alguns minutos até a massa formar uma bola. Poderá ser necessário juntar um pouco mais de farinha ou de líquido,  até o robot de cozinha formar uma bola macia e elástica.
Transfira para uma tigela e tape com papel aderente. Coloque num local quente e deixe levedar durante 40 minutos.
Aqueça depois o forno a 180ºC. Forre um tabuleiro de ir ao forno com papel vegetal.
Ponha a massa na banca da cozinha previamente polvilhada com farinha e estenda a massa de modo a formar um rectângulo.  Espalhe o recheio sobre a superfície da massa e enrole-a como se fosse uma torta, começando pela parte mais comprida.
Disponha depois as fatias lado a lado com a parte cortada virada para cima. Pincele com leite ou gema por cima dos enrolados e deixe levedar mais 30 minutos longe das correntes de ar.
Leve ao forno por 30 minutos ou até estarem dourados.
Nota: Caso decida fazer a massa na MFP, como foi o meu caso, coloque todos os ingredientes na cuba, começando pelos líquidos e seleccione o programa massa ou amassar.
Ingredientes Recheio de Canela:
60g de manteiga derretida
60g de açúcar
2 colheres de chá de canela
Preparação:
Misture a manteiga derretida com o açúcar e a canela, e envolva.

28 de janeiro de 2011

Selo de Qualidade

Yum
Desde o dia em que a Beth do blog Os Sabores da Beth me presenteou com o Selo de Qualidade, que ando a tentar escrever uma mensagem que transmita o que senti, o que sinto...
A verdade é que as palavras não fluem, e não consigo expressar, como gostaria, a alegria que senti, e a vontade que tenho de fazer mais e melhor!
Espero sinceramente ser merecedora, e espero continuar a crescer como pessoa, como amiga, e como "cozinheira" neste cantinho que me tem feito muito feliz.
Beth a ti o meu muito obrigado!




Tartes de camarão em massa de caril

Yum
É sexta-feira!.....iupi!  :)



Ingredientes:
300g farinha de trigo
1 c. sopa manteiga  (de preferência à temperatura ambiente)
1 c. sopa de caril em pó 
5 ovos
100ml de água quente
1 cebola
2 dentes de alho
300g de miolo de camarão
1 tomate
300ml de leite
azeite q,b.
coentros picados q.b.
manteiga, farinha, sal e pimenta q.b.

Preparação:
Misture a farinha com a manteiga, o caril, 1 ovo, a água, sal e pimenta. Unte 4 formas para tarteletes com manteiga, polvilhe-as com farinha e forre-as com a massa. 
Pique a cebola e os alhos, e leve a refogar em azeite. Junte o camarão, tempere de sal e pimenta e deixe cozinhar um pouco. Limpe o tomate de pele e sementes e acrescente-o ao camarão, bem como os coentros.
Distribua o preparado pelas formas.
Misture os restantes ovos batidos com o leite, e distribua pelas formas.
Leve ao forno a 180º, durante pelo menos 20 minutos, ou até que estejam douradinhas.
Desenforme e sirva bem quentinho.

Fonte: A arte de bem cozinhar: fascículo 108

27 de janeiro de 2011

Empadão de macarrão

Yum
Ainda a semana vai a meio, e eu estou com a sensação que tenho em cima dos ombros o peso de duas semanas....Ando completamente esgotada.... Da minha cozinha não tem saído nada que tenha mérito suficiente de ser apresentado, e olhem que o meu grau de exigência anda baixo...
A sugestão que trago hoje ainda foi feita no fim de semana, e só agora tive tempo de a apresentar.
Espero que gostem.


Ingredientes:
250g de macarrão
250g de carne picada
1 cebola
2 dentes de alho
2 tomates pelados (ou tomates congelados)
1/2 couve lombarda 
sal e pimenta q.b.
queijo ralado
azeite



Preparação:
Comece por preparar a couve lombarda, cortando-a em juliana e lavando-a muito bem. Depois num tacho leve-a ao lume muito baixo, temperada de sal (muito pouco), e sem água, para que sue no seu próprio vapor, e assim coza.
Numa caçarola, leve a cebola picada e os alhos a refogar em azeite. Quando a cebola estiver loirinha, junte os tomates muito picados e deixe apurar um pouco. Depois junte a carne, tempere de sal e pimenta e deixe cozinhar em lume branco, e tapado, durante cerca de pelo menos, 30 minutos. (Se necessário junte um pouco de água)
Leva o lume outro tacho com água e sal, e depois de estar a ferver junte o macarrão e deixe cozer (não deixe cozer muito). Depois de cozido, escorra.
Num tabuleiro, coloque o macarrão, e por cima a couve, e finalmente a carne. Cubra com um pouco de queijo ralado e leve ao forno a 180º durante cerca de 15 minutos, ou até o queijo estar dourado.

24 de janeiro de 2011

Biscoitos de café e avelã

Yum
Fim de semana é tempo de quê? de quê? biscoitos "pó" café! ah pois é!






Ingredientes(cerca de 40 biscoitos):
125g de avelãs + 40 para decoração
120g de farinha de trigo
60g de fécula de batata
100g de açúcar
1 c.s. de café em pó instantâneo
200g de manteiga





Preparação:
Comece por triturar as avelãs sem casca até que fiquem em farinha. Misture-a com a farinha de trigo, a fécula de batata, o açúcar e o café em pó. Adicione de seguida a manteiga (de preferência fria) cortada em pedaços pequenos. Trabalhe a massa até estar homogénea. Com a massa faça bolinhas pequenas e coloque-as num tabuleiro de forno forrado com papel vegetal. Pressionando um pouco coloque ao centro de cada bolinha uma avelã. Leve os biscoitos ao forno durante 12 minutos. Retire e deixe arrefecer um pouco antes de os retirar do tabuleiro.

21 de janeiro de 2011

Pão de pistácios

Yum
Esta semana o pistácio foi o ingrediente rei na minha cozinha. Este pão é delicioso para acompanhar café ou chá, e estava divinal!
Um doce fim de semana para todos.




Ingredientes:
3 claras de ovos
75g de açúcar
raspa de 1/2 laranja
110g de farinha
110g de miolo de pistácios

Preparação:
Pré-aqueça o forno a 180º, e unte uma forma rectangular e forre-a com papel vegetal.
Bata as claras em castelo e misture pouco a pouco o açúcar. Adicione de seguida a casca de laranja, a farinha e os pistácios, e envolva delicadamente. Deite a massa na forma e leve ao forno a cozer durante 30 minutos ou até que aloure ligeiramente. Deixe arrefecer dentro da forma. Envolva em papel de alumínio e deixe repousar toda a noite. No dia seguinte pré-aqueça o forno a 150º. Com uma faca de serrilha grande corte na diagonal finas fatias, e leve-as ao forno num tabuleiro sem qualquer gordura, durante 15 minutos ou até que fiquem estaladiças.


Fonte: Cozinhar para os amigos - Edições Girassol

20 de janeiro de 2011

Feijoada de bacalhau

Yum
 
Ingredientes:
500g de feijão (ou se preferir feijão de lata previamente cozido)
2 postas de bacalhau
4 cenouras
2 cebolas
2 dentes de alho
1 folha de louro

Preparação:
No dia anterior ponha o feijão de molho. Leve-o a cozer, numa panela de pressão, com sal, a folha de louro e uma cebola cortada em quatro. Deixe levantar fervura, até que oiça o apito. Depois baixe o lume e deixe cozinhar durante cerca de 20 minutos. Apague e deixe a panela tapada até que perca a pressão. Se preferir use feijão de lata, previamente cozido.
Noutro tacho, leve a refogar a cebola e os alhos picados, em azeite. De seguida junte um pouco de caldo de cozer o feijão e as cenouras cortadas em cubos. Deixe apurar um pouco. De seguida junte o bacalhau cortado aos quadrados. Deixe novamente levantar fervura, acrescentando caldo de cozer o feijão se achar necessário. Rectifique os temperos. Por fim junte o feijão, envolva delicadamente para não desfazer o bacalhau, e deixe apurar um pouco em lume muito brando.

19 de janeiro de 2011

Arroz doce com chá branco e crocante de pistácios

Yum
Existem algumas receitas que assim que bato com os olhos nelas, tenho que fazê-las, custe o que custar.
Foi o caso desta, que vi num livro da Vaqueiro - Receitas para impressionar... Espero que gostem tanto como nós gostámos!


Ingredientes para o arroz:
1Lt de leite
folhas de alecrim fresco (usei seco)
2 saquetas de chá branco
120g de arroz tipo carolino
150ml de água
sal
2 gemas
90g de açúcar
30g de margarina

Ingredientes para os crocantes (cerca de 12):
40g de miolo de pistácios
40g de açúcar mascavado
70g de farinha de trigo com fermento
60g de margarina
2 claras de ovo (que sobram do arroz doce)

Preparação do arroz:
Deite o leite numa caçarola, junte as folhas de alecrim picadas e as saquetas de chá. Leve a ferver sobre lume brando durante 10 minutos. Coe e mantenha quente. Ao mesmo tempo, deite o arroz noutro tacho, junte-lhe uma pitada de sal e cubra com a água. Leve a ferver suavemente, mexendo de vez em quando, até o arroz absorver toda a água. Depois, vá adicionando o leite bem quente, aos poucos e mexendo sempre. Parta os ovos, separando as gemas das claras (reserve as claras para os biscoitos). Bata as gemas com o açúcar até obter um creme fofo. Quando o leite se esgotar, adicione a gemada em fio ao arroz mexendo rapidamente para que as gemas não talhem. Deixe em lume brando mais 1 a 2 minutos mexendo sempre. Retire do lume e adicione a margarina, e mexa até que esta se derreta.
Preparação dos crocantes:
Deite o miolo de pistácios num robô de cozinha e pique grosseiramente. Retire e reserve. Misture a farinha com o açúcar no robô e junte a margarina, que deve estar bem fria, e cortada aos pedaços. Triture até obter uma massa areada. Bata ligeiramente as claras e deite-as em fio pela chaminé do robô, triturando até a massa formar uma bola. Mude a massa para uma taça, junte os pistácios picados e amasse com as mãos até ligar os ingredientes. Tenda 12 bolachas redondas e finas, e coloque-as num tabuleiro, forrado com papel vegetal, e coza no forno durante cerca de 10 minutos ou até estarem douradas.

Notas: Primeiro quero referir que, na receita original o arroz doce leva ainda  2dl de natas batidas com 30g de açúcar, envolvidas no arroz depois deste arrefecer completamente. Eu dispensei estes ingredientes, e quando voltar a fazer este arroz, excluirei ainda a margarina, porque os sabores que eu gostaria que tivessem sido realçados (o chá branco e o alecrim) acabaram por quase nem se notar, sobressaindo o sabor da margarina.
Em relação à massa dos crocantes, não a fiz no robô de cozinha. Segui todos os passos como descrito, mas envolvi sempre com a ajuda de um garfo. Talvez por isso, acabei por obter uma massa que não dava para moldar bolachas, porque estava muito mole. De qualquer das formas coloquei pequenas quantidades em cima de uma placa de silicone e com a ajuda de uma colher, espalhei a massa de forma a obter uma forma redonda e fina. Ficaram muito bons! :))

Fonte: Vaqueiro: Receitas para impressionar - Chef Pedro Niny Duarte

18 de janeiro de 2011

Batatas gratinadas

Yum
Esta receita surgiu da necessidade de aproveitar umas sobras de peixe... e a folhear um livro passei por umas batatas gratinadas recheadas com carne picada...decidi mudar o recheio ;)
Ficou muito bom!



Ingredientes:
4 batatas
100/150g de sobras de peixe (usei peixe espada e salmão)
1 cebola grande
2 dentes de alho
queijo ralado
azeite q.b.
sal e pimenta preta moída na altura



Preparação:
Leve as batatas a cozer com a pele, em bastante água com sal. Quando cozidas (não deixe cozer muito), retire do lume, escorra, e deixe arrefecer. Depois corte-as ao meio, e com cuidado retire o seu interior para uma taça, com a ajuda de uma colher pequena, deixando uma espessura de cerca de 0.5 centímetro à volta da pele e reserve.
Numa caçarola, leve a cebola e os alhos picados a refogar num generoso fio de azeite. Quando a cebola estiver translúcida, junte o peixe, previamente desfiado e sem espinhas. Depois junte também o interior das batatas e envolva. Rectifique de sal, se for preciso, e tempere com pimenta preta acaba de moer.
Unte um tabuleiro com um pouco de azeite e coloque por cima as metades das batatas. Recheie-as com o preparado de peixe e polvilhe de queijo ralado. Leve ao forno a 180º cerca de 20 minutos ou até estarem douradas e o queijo derretido.

Fonte inspiradora: Batatas gratinadas - Cozinha rápida

17 de janeiro de 2011

Bolinhos de Maçã

Yum
O meu forno este fim de semana não parou! 
Os bolinhos que trago hoje são uma doce sugestão da Beth do blogue Les Saveus de Beth. Adorei o aspecto e o facto de serem feitos com maçã. Tenho que dizer que alterei um bo-ca-di-nho a receita original da Beth, isto porque quando estava a preparar os ingredientes "tropecei" numas nozes que teimavam em andar de um lado para o outro desde o Natal... escusado será dizer que acabaram dentro da massa.... e juntei canela em vez de baunilha, porque adoro o "casamento" dos sabores da maçã e canela... e Voilá a minha versão dos bolinhos de maçã da Beth:



Ingredientes (cerca de 40 bolinhos):
280g de farinha
140g de açúcar
100g de margarina
50g de nozes partidas
2 maçãs pequenas raladas
1 c. sobremesa de canela

Preparação:
Num recipiente coloque a farinha, a canela e o açúcar e envolva, junte a margarina aos pedaços e desfaça com um garfo até obter uma massa areada. Rale as maçãs e adicione-as à massa, mexendo com uma colher de pau ou amasse à mão. Forme uma bola e leve ao frigorífico, enrolada em película, a descansar durante algum tempo (pelo menos 1 hora).
Prepare um tabuleiro e forre-o com papel vegetal e reserve.
Pré-aqueça o forno a 180°C.
Retire a massa do frigorífico e molde pequenas bolinhas (do tamanho de nozes) e coloque-as no tabuleiro e leve ao forno a cozer durante 15 minutos.

Espreitem a versão original da Beth --> Aqui


16 de janeiro de 2011

Biscoitos de Alfarroba e amêndoa

Yum
2 palavras: ABSOLUTAMENTE MARAVILHOSOS

A alfarroba, transporta-me à infância. O  inconfundível cheiro adocicado, a sua  cor.... lembro-me de comer alfarroba seca, encostada a um tanque que uma tia minha tinha, num terreno plenamente cultivado.
Não sei se será só impressão minha, mas a alfarroba é um bocadinho como as bolotas, são como "personas non gratas" do mundo culinário. Durante gerações  foram usadas como rações de animais, e é ainda a medo que vão sendo incluídas na alimentação diária familiar.... pelo menos esta é a ideia que tenho.
Encontrei estes maravilhosos biscoitos, no blogue da Moira - Tertúlia de sabores, e assim que os vi, apeteceu-me imediatamente experimentar. Tive alguma dificuldade em encontrar a farinha, mas valeu a pena a incessante procura, porque esta não será de todo a única vez que estes simples e deliciosos biscoitos serão feitos na minha cozinha.
Por favor experimentem porque vão certamente amar!



Ingredientes (para cerca de 30 biscoitos):
200g de farinha de trigo
50g de farinha de alfarroba
50g de amêndoa moída
100g de açúcar
100g de manteiga
1 ovo pequeno + 1 clara
1 colher de chá de fermento em pó
100g de amêndoa lascada para pôr por cima dos biscoitos


Preparação:
Coloque todos os ingredientes numa taça e misture bem, com a ajuda de uma batedeira, ou uma colher de pau ou à mão (que foi o que fiz), até a massa ficar moldável.
Tenda pequenas bolinhas, achate-as ligeiramente, e passe a parte de cima das mesmas por amêndoa lascada. Disponha-as num tabuleiro forrado de papel vegetal (ou placa de silicone), e leve ao forno a cozer, a 180º, cerca de 10 minutos.

14 de janeiro de 2011

Espetadas de polvo

Yum



Ingredientes:
1 polvo médio
1 limão
1/2 pimento vermelho
1/2 pimento verde
azeite e sal q.b.

Preparação:
Lave bem o polvo, retire o interior da cabeça, a boca e o olho. Separe os tentáculos da cabeça e corte a cabeça aos bocados. Tempere de sal e limão. Lave o pimento, retire as sementes e a parte branca interior, e corte aos quadrados. Nos espetos, entrelace o polvo com os pedaços de pimento, e leve a grelhar. Quando pronto regue com azeite.

13 de janeiro de 2011

Almôndegas com molho fricassé

Yum
Hoje a sugestão vem de uma ilha linda.... Ilha Terceira - Açores. Foi no blogue da Elvira  (Elvira's Bistrot) que encontrei a receita para estas almôndegas que ficaram deliciosas.
Desde muito miúda que tenho um fascínio grande pelos Açores, mas infelizmente a vida nunca me reservou a felicidade de conheceu qualquer umas das ilhas que compõe o arquipélago...com grande pena... mas como diz o ditado - " A esperança é a última a morrer...", por isso vou alimentando a convicção que ainda vou ter a oportunidade.
Para já delicio-me com uma receita sugerida por uma açoriana....  ;)


Ingredientes:
12 almôndegas (contei 3 para cada pessoa)
Azeite q.b.
1 c. sopa rasa de cominhos moídos
2 gemas
sumo de 1 limão
2 c. sopa de vinagre (usei vinagre de sidra)

Preparação:
Leve a refogar,  as cebolas e os alhos picados, no azeite. Antes de começar a alourar, junte o vinagre. Junte as almôndegas e deixe-as dourar de todos os lados. Tempere com os cominhos e baixe o lume. Deixe cozinhar em lume brando por 5-7 minutos, ou até as almôndegas ficarem cozidas no interior. Bata as gemas com o sumo de limão, e adicione às almôndegas, envolvendo delicadamente. Deixe apurar em lume brando até obter um molho cremoso. Polvilhe com a salsa picada e sirva de imediato.

12 de janeiro de 2011

Mandioca frita

Yum
Já não me lembrava da última vez que tinha comido mandioca, e foi com grande saudosismo e profundo prazer que voltei a fazer e comer mandioca. O meu pai fazia muitas vezes mandioca desta forma, tinha trazido a receita de Timor, local onde cumpriu o seu serviço militar, e onde a mandioca fazia parte da dieta, como a batata faz parte da nossa. O meu pai fazia originalmente frita em banha, mas eu optei por fritar em azeite, e também gostei.
É tão, tão bom!! Não consigo encontrar palavras que descrevam o sabor, só vos posso aconselhar que façam e comam. Vão adorar!! Para mim, é bem melhor que batata....
Podem servir como entrada ou acompanhamento, fará com certeza sucesso.



Ingredientes (para 4):
2 mandiocas
azeite q.b. (ou banha)
sal fino q.b.

Preparação:
Comece por descascar a mandioca, retirando toda a pele castanha. Corte-a em rodelas bem fininhas, e lave muito bem. Retire o excesso de água, secando-a com um pano (desta forma ficará mais estaladiço, e o azeite não salpica). Numa frigideira, leve ao lume uma boa quantidade de azeite (ou banha) e frite a mandioca. Escorra em papel absorvente e tempere de sal fino.
Nota: A que apresento foi frita na Actifry, só som um fio de azeite.

11 de janeiro de 2011

Couve lombarda suada

Yum
Adoro este acompanhamento. É tão simples de fazer, e a couve fica deliciosa.
Esta acompanhou o coelhinho da receita anterior....

Ingredientes:
1/2 couve lombarda
3 cenouras grandes
1 cebola grande
2 dentes de alho
sal e azeite q.b.

Preparação:
Numa caçarola, refogue a cebola cortada às meias luas e os dentes de alho picados, num generoso fio de azeite. Quando a cebola estiver translúcida, junte a couve lombarda, previamente cortada em juliana, e as cenouras cortadas aos cubos. Tempere de sal e deixe a couve "suar" (cozer) durante pelo menos 20 minutos com o lume o mais baixo possível, e a caçarola tapada. Ocasionalmente, mexa com uma colher de pau, para ir virando a couve.

10 de janeiro de 2011

Coelho estufado tenrinho com bolinhos de coentros

Yum
Uma das prendas deste Natal: Cozinhar com Jamie Oliver.
E foi nesta prenda que me inspirei, levemente, para fazer um coelho biológico que comprei. Quando digo levemente, é porque, infelizmente, nunca consigo ter as ervas , ou alguns ingredientes, frescos que ele utiliza para a preparação da maioria dos seus pratos. É curioso que, apesar de viver num espaço onde poderia ter facilmente ervas frescas em abundância, ainda não criei esse espaço. Acho que esse vai ser um dos projectos para 2011...Contundo, isso não me travou de fazer este coelhinho, que me parecia delicioso, e que fui adaptando, conforme os ingredientes que tinha e os que me iam faltando... A carne ficou muito suculenta e aromatizada. Acompanhei com uns bolinhos de coentros (originalmente estragão) também sugeridos pelo chef.
Uma refeição diferente, demorada, para aqueles dias em que temos mais tempo para nos  dedicar à cozinha.



Ingredientes para o Coelho:
1 coelho cortado em pedaços
1 cebola grande
200g de bacon cortado em pedaços pequenos
200g de cogumelos laminados
1 c. chá de tomilho seco
1. c. sopa farinha
1 cerveja mini (20cl)
Preparação:
Numa caçarola, deite um generoso fio de azeite, junte o coelho, e deixe-o alourar. Junte o bacon, os cogumelos, a cebola cortada às meias luas, o tomilho, e tempere de sal. Deixe que tudo refogue durante cerca de 15 minutos, com a caçarola tapada. Deite a farinha num recipiente e junte a cerveja pouco a pouco para que não ganhe grumos, e junte ao coelho. Deixe cozinhar em lume brando cerca de 45 minutos.



Ingredientes para os bolinhos (cerca de 30):
200g de farinha com fermento
100g de manteiga
2 c. sopa bem cheias de coentros frescos picados
sal e pimenta preta moída na altura q.b.
noz moscada para polvilhar
80/100ml de leite
Preparação:
Pré aqueça o forno a 180ºC. Misture a farinha, a manteiga, os coentros, com uma boa pitada de sal e pimenta. Depois, com a ajuda de um garfo, vá misturando o leite. Misture bem até a massa ficar bastante rija. Enfarinhe as mãos e amasse mais um pouco a massa. Depois estique a massa em forma de salsicha e corte em pedaços pequenos. Faça bolinhas com as mãos, e coloque-as num tabuleiro forrado com papel vegetal, ou numa placa de silicone. Polvilhe as bolinhas com noz-moscada, e leve ao forno durante cerca de 20 minutos, até estarem douradinhas.

9 de janeiro de 2011

A simplicidade das coisas belas

Yum
Hoje trago uma receita de biscoitos. Quem me vai seguindo já sabe que não sou muito gulosa, mas biscoitos não faltam na minha cozinha... acompanham sempre que possível os cafés de fim de semana em família; e tenho de confessar que me deixa de sorriso nos lábios ver os meus "pirralhos" passarem na cozinha e tirarem do pote um biscoito, a seu belo prazer, a seu tempo....
Estes, já foram feitos 2 vezes antes mesmo de ter tido tempo de fazer a mensagem....
Foram retirados de um blogue que já sigo, discretamente, há algum tempo. É um blogue dedicado exclusivamente a coisas doces, mas que eu sigo fielmente, apesar de a doçaria não ser o meu forte. E sigo-o porque cada receita é apresentada como uma obra de arte... e são efectivamente obras de arte! Cada doce da Leonor é único, não só pelos ingredientes que coloca, mistura, envolve, mas pelo que ela adiciona de si mesma, a cada volta da colher de pau.... é simplesmente bela a simplicidade da apresentação de cada receita. Sempre que penso no FlagranteDelícia, lembro-me da apresentação de uns biscoitos feitos em forma de folhas....simplesmente belo! vejam aqui
Tão simples.... são estes deliciosos biscoitos de amêndoa.

E simples são as coisas boas e belas da vida...


Ingredientes:
250 g de farinha de trigo
125 g de açúcar mascavado
125 g de manteiga
1 ovo
1 colher de chá de fermento químico
Gema de ovo para pintar


Preparação:
Pré aqueça o forno a 180ºC. Bata a manteiga com o açúcar. Junte o ovo e por fim a farinha peneirada com o fermento. Molde os biscoitos e coloque-os num tabuleiro forrado com papel vegetal (deixe uma distância entre eles). Coloque uma amêndoa em cima de cada um e pincele com a gema de ovo diluída com um pouquinho de água. Leve ao forno cerca de 15 minutos.
Nota: Os que aparecem em forma de coração fiz, pondo bocadinhos de massa dentro de um corta biscoitos em forma de coração, espalhando a massa com a ajuda de uma colher e depois calcando com cuidado a massa para ficar no tabuleiro.

7 de janeiro de 2011

Medalhões de salmão com molho Aioli

Yum
Já aqui disse que o salmão é um peixe muito apreciado cá em casa, por isso não me canso de o fazer, e de maneiras diferentes. 
Esta é bem simples, e o molho dá-lhe um toque especial.
Bom apetite!


Ingredientes:
2 dentes de alho
sumo de 1 limão
1 gema de ovo
250ml de azeite
sal e pimenta q.b.
4 medalhões de salmão

Preparação:
Tempere os medalhões de salmão a gosto (eu temperei só de sal e sumo de limão), e leve a grelhar.
Para o molho, junte aos dentes de alho bem picadinhos ou esmagados, o sumo de limão e a gema, e bata vigorosamente com uma vara de arames (eu usei a batedeira....), até obter uma consistência cremosa. Adicione o azeite em fio, continuando sempre a bater, até obter uma massa espessa e homogénea. Tempere de sal e pimenta.

Nota: A receita original do molho tem os ingredientes em dobro, contundo para 4 penso que será suficiente as quantidades que indico.

Fonte: Cozinha Rápida - Naumann & Göbel Verlagsgesellschaft

5 de janeiro de 2011

Pãezinhos de Chocolate

Yum


Quando fiz os pãezinhos de bacon e espinafre, o meu filho mais velho pediu-me para lhe mandar um para o lanche dele na escolinha. Achei uma boa ideia, e depois lembrei-me que tinha visto uma receita de pão com chocolate, que sugeria exactamente isso, os lanches da escolinha.
Escusado será dizer que ele adorou!...
Fica a sugestão.

Ingredientes:
500g de farinha
50g de açúcar
300ml de água
1 c. chá de levedura seca (ou 15g de fermento fresco padeiro)
1 1/2 c. chá de sal
20g de manteiga
1 gema de ovo para pincelar (não usei porque me esqueci ..)
100g de chocolate para culinária partido em pedaços pequenos (só usei 60g)

Preparação método tradicional:
Numa tigela dissolva o fermento na água e acrescente o açúcar, a farinha e amasse cerca de 10 minutos. Junte a manteiga e o sal e continue a amassar durante 10 minutos. Adicione o chocolate e amasse ainda mais uns minutos. Deixe a massa levedar cerca de 2 horas até duplicar o seu volume. Forme pãezinhos do formato que desejar e coloque-os num tabuleiro polvilhado com farinha. Deixe levedar em temperatura ambiente mais uma hora. Pré-aqueça o forno a 180º, pincele os pãezinhos com gema de ovo e leve-os a cozer cerca de 15/20 minutos.
Dica: Coloque um recipiente com água na parte de baixo do forno para que a crosta fique ainda mais estaladiça.



Preparação na MFP:
Na forma da máquina coloque todos os ingredientes, excepto os pedacinhos de chocolate, pela seguinte ordem: água, fermento, açúcar, manteiga, farinha e sal. Seleccione o programa pão branco, tamanho médio. Acrescente os pedaços de chocolate na 2ª amassadura.
Depois de terminado o programa retire da forma e deixe arrefecer sobre uma rede.

Sugestões: Eu fiz a receita na MFP, contundo usei só o programa de amassar. Depois retirei a massa dividi por formas de queques polvilhadas de farinha e levei ao forno.
Para partir o chocolate em pedaços pequenos, embrulhei-o num paninho fino, em bocados relativamente grandes, e depois bati com um martelo de madeira (daqueles que se usam para partir o marisco).

Fonte: Revista Lusitana n.º 23

4 de janeiro de 2011

Peixe-espada-preto com sementes de sésamo

Yum
Entrei oficialmente em DIETA!  :)))
Eu perco-me nesta altura do ano... é a broinha, o bolo-rei, as filhoses, os fritos de cenoura da minha mãe.... o pãozinho quente a sair do forno.... o molho da sapateira... é um sem fim de iguarias às quais não consigo resistir!
Mas agora já chega.... e desta vez nem espero pelos Reis... hihihihihi
Por isso hoje trago uma sugestão do Miguel do blog Cozinha sem Tabus.
Um óptimo peixe-espada grelhado ao qual juntamos umas sementes de sésamo na altura de grelhar!


Preparação:
Tempere as postas de peixe a gosto (eu temperei somente com sal e sumo de limão), e na altura de grelhar passe-as por cima de sementes de sésamo. E voilá! Bom apetite!


3 de janeiro de 2011

Camarões com molho de hortelã e coentros

Yum
A sugestão de hoje foi à minha mesa na noite da passagem de ano, e é absolutamente maravilhooooosaaaaaaa.
A expressão "por portas e travessas" quase se aplica ao modo como encontrei esta receita: foi no blogue Sabores de Canela que encontrei um link para Revista Chocolate  e na secção de culinária encontrei algumas receitas, sendo a hortelã  o ingrediente principal (Very minty).
O resto foi só comprar os camarões e deliciar-nos com esta pequena maravilha!


Ingredientes:
1 kg de camarões
2 cebolas
50g de margarina
1 ramo grande de coentros
4 a 5 folhas de hortelã
1 c. sopa de vinagre
Sal q.b.
Piripiri q.b.

Preparação:
Descasque os camarões e tire-lhes as cabeças.
Descasque a cebola e corte-a às rodelas. Leve-a ao lume com a margarina até alourar. Junte os camarões e adicione os coentros e a hortelã (bem picadinhos). Regue com o vinagre e o piri-piri, e tempere com sal. (eu pus muito pouco piri-piri, porque queria que o sabor dos coentros e da hortelã fossem os mais acentuados). Deixe cozinhar até que os camarões estejam bem rosadinhos.

Dica: Se usar camarões congelados (como foi o meu caso), descasque-os ainda um pouco congelados, dessa forma será mais fácil retirar a casca. Depois, com cuidado, passe com a faca de modo a fazer uma pequena incisão ao longo do dorso dos camarões, e retire a tripa preta.


É simplesmente maravilhoso!
Bom apetite!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...